Google+ Followers

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

IMAGINÁRIO INFANTIL



Meu lindo presente!
Ganhei-o de minha madrinha Cecy (Alcendina Fratejani Fabri). Tinha uns cinco ou seis anos de idade. Abri a caixa e brinquei com o pianinho o dia inteiro e até a hora de dormir. Fiquei fascinada! Como poderia funcionar algo assim? Batia o dedo na tecla e lá de dentro vinha um som maravilhoso. Cada tecla correspondia a um som diferente... Coisa misteriosa!
Adormeci pensando no funcionamento do brinquedo.
No dia seguinte, nem bem levantei, peguei uma faca e, sem comentar nada com ninguém, abri o piano para descobrir o que havia de tão mágico lá dentro...
Senti uma grande decepção ao encontrar arames e pedacinhos de madeira... Que horror! Que coisa tão feia! Nunca mais ia querer brincar com aquilo. Experimentei tristeza com a descoberta. O piano ficou desmantelado e minha curiosidade satisfeita, porém estraçalhada. A realidade não correspondia a tudo quanto de belo eu imaginara.

"O melhor da infância é o mistério", diz Frei Betto. "O mistério seduz e, tecido em encantos, assusta ou atrai". 

Foi o que aconteceu comigo e acontece com todas as crianças. 

     Li sobre este comportamento da criança: é através da exploração do brinquedo que ela descobre e entende o mundo.
     Na fase entre os dois e sete anos, a criança é muito curiosa, quer saber como o mundo funciona e isso inclui o seu brinquedo. Ela desmonta o brinquedo por curiosidade e, por muitas vezes, pode quebrar ou não saber montá-lo novamente.
     Não se deve proibir que a criança explore seus brinquedos, pois esta atividade estimula as habilidades manuais, coordenação motora e raciocínio, fazendo com que ela quebre cada vez menos os seus brinquedos.






2 comentários:

Batista disse...

Boa noite Terezinha.
Interessante, lendo seu perfil, “por sinal muito bem redigido”, descobrir que também sou velho... Mas prefiro me sentir jovem, pelo menos nas boas ideias, assim como as que você teve, escrevendo e comunicando-se através deste potente sistema de comunicação e entretenimento. Parabéns pelos postes. Estou te seguindo.

Um abraço.

Pedro Luso disse...

Boa noite, Terezinha.

Venho agradecer sua visita e retribuir os seus votos de Feliz Natal e próspero Ano Novo.

Abraços,
Pedro.