Google+ Followers

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

O MEDALHÃO

      O Brasil tem como grande desgraça a ser combatida a pseudo-autoridade do "medalhão".

      O "medalhão", homem de "pose", dado a "intelectualidade", falador e gesticulador, dizendo coisas floridas e ocas, tem sido o nosso pior inimigo, em política, em literatura, em arte, em ciência, em administração.

       O "medalhão" fala de tudo, muito do alto, como rei de todos os assuntos. E além de falar, escreve.

      Ora, pela desgraça da desigualdade social, nem todos conhecem o mundo em que vivem, ainda quando esse mundo seja, apenas, por exemplo, a cidade do Rio de Janeiro".


    Texto mais atual do que nunca!

    Sabe quando foi publicado? Em 25/11/1930, no extinto Jornal "Diário de Notícias".

    Autora? Cecília Meireles.


    Transcrito de O ENCONTRO, Ano 66, n° 19, dezembro de 2011.
     http://www.uppes.com.br/ (União dos Professores Públicos no Estado - Sindicato - RJ).

Nenhum comentário: